29 de janeiro de 2009


5 comentários:

  1. Adoro essa palavra! ... infelizmente, gostos semânticos à parte, sou grande praticante!

    ResponderEliminar
  2. Que filosofia tão certeira! É bem verdade...

    ResponderEliminar