20 de janeiro de 2010

Educated guesses


Assim só por acaso, quem é que acha oportuno interromper uma pessoa para fazer uma pergunta qualquer quando essa pessoa está de protectores de ouvidos na cabeça, com uma sonda de sonicação em funcionamento dentro de um tubo de ensaio numa mão e a olhar para o relógio na outra para cronometrar ciclos de 15 segundos? Aparentemente, pessoas que trabalham algures no meu departamento.

11 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Estava alguma coisa a arder, uma bomba a explodir?
    Então não acho.

    ResponderEliminar
  3. Para os ignorantes que por aqui passam explica-nos: uma sonda de sonicaçáo soa a instrumento com que se poderia tirar um olho a alguém, esta noção está correcta?
    Se a resposta for afirmativa então terei de dizer que quem interrompe tal pessoa ou é muito burro ou muito corajoso.

    ResponderEliminar
  4. Bolas, eu estou obviamente mal. Não é que li fornicação onde está sonicação? :D

    ResponderEliminar
  5. pois..não me parece muito oportuno...

    ResponderEliminar
  6. Gente inoportuna como quem fica assoviando a altos pulmões assim que me vê pegar algo para ler.

    Gostei do blog.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  7. Já chegou o estagiário???

    ResponderEliminar
  8. E pode entrar na sala onde a sonificacao esta a decorrer???? No meu departamento e' extremamente proibido, fechamos a porta, pomos um sinal e uns isoladores sonoros extra na macaneta para, no caso de uma emergencia, alguem poder vir chamar...

    ResponderEliminar
  9. Pois, aqui também é suposto, e até é por isso que há extra ear muffs, para quem tenha de lá entrar. Enfim, uma pessoa nunca deixa de se surpreender.

    ResponderEliminar
  10. P.S. Imagina, eu a sonicar, de protectores na cabeça, obviamente não oiço nada, por isso quando olho para o lado e vejo lá pessoas especadas para me fazerem uma pergunta.

    ResponderEliminar