30 de dezembro de 2014

Não sou lá grande coisa em balanços

Mas assim de repente, posso dizer que 2014 foi o ano em que, finalmente, aprendi a pôr lenha a arder.

3 comentários:

  1. Olha, eu nem isso! Talvez em 2015... (e não garanto!)
    É que é preciso arte...

    ResponderEliminar
  2. Com o frio que está... nada mau!

    ResponderEliminar