26 de janeiro de 2016

Tudo bons rapazes

É muito mais confortável negar a justeza de uma causa para justificar indiferença, do que ter a coragem de assumir indiferença perante a justeza da causa.

Ou, se não é para ajudar, ao menos podiam não empatar.

Sem comentários:

Publicar um comentário